quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Que tal ganhar visitando 10 sites por dia

Que tal ganhar dinheiro visitando 10 sites por dia?
Melhor vc nao precisa pagar nada!!!!!!
Isso mesmo, investimento é zero e o cadastro grátis. Site que realmente paga.

Exemplos ganhando

Você clica em 10 anúncios por dia = $ 1
20 referências clique 10 anúncios por dia = $ 20
Seus ganhos diários = $ 21
Seus ganhos semanais = $ 147
Seus ganhos mensais = $ 630

http://profibux.com/?r=carolk

Para receber abra uma conta no Payza.

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Inscrição misteriosa na pedra da gavea

Oi pessoal, estava lendo sobre coisas misteriosas e conspirações esse feriado e achei algumas coisas. Hoje dei uma olhada em um blog e achei essa postagem, nunca tinha ouvido falar sobre, mais tem uma inscrição nessa pedra em uma praia chamada São Conrado. O mais estranho é que dizem que essa inscrição é de origem fenícia, o que também não é muito estranho considerando que tem inscrições de várias origens pela américa bem antes da tal chegada oficial.



"
Tudo começa no século XIX. Alguns “sinais” do lado da pedra teriam chamado a atenção do imperador D. Pedro I, embora seu pai, D. João VI, então Rei de Portugal, já houvesse recebido um relatório de um padre dizendo-lhe sobre as marcas estranhas, que datariam de antes de 1500 a sua existência, de quando o Brasil foi “descoberto”. Em 1839 uma pesquisa oficial foi feita, e em 23 de março, em sua seção 8 extraordinária, o Instituto Geográfico e Histórico do Brasil decidiu que a Pedra da Gávea deveria ser minuciosamente analisada e ordenou então o estudo local das inscrições do local.
Uma pequena comissão foi formada para estudar a rocha, mas cerca de 130 anos depois, O Globo, jornal de grande circulação no Brasil e muito “respeitável”, questionou tal comissão, perguntando se eles realmente escalaram a rocha ou simplesmente estudaram-na usando binóculos. O relatório dado pelo grupo de pesquisa diz que eles “viram as inscrições e também algumas depressões feitas pela natureza”. No entanto, ninguém que vê essas marcas de perto vai concordar que algum tipo de fenômeno natural poderia ter causado a aparição dessas inscrições na rocha bruta.
Após o primeiro relatório, ninguém falou sobre a Pedra da Gávea novamente e oficialmente até 1931, quando um grupo de excursionistas formou uma expedição para encontrar o túmulo do rei fenício que foi coroado em 856 a.C., em Tiro, antiga Fenícia, hoje o LÍBANO. Algumas escavações amadoras foram feitas sem nenhum resultado. Dois anos depois, em 1933, um clube de alpinistas do Rio de Janeiro organizou uma grande expedição com 85 alpinistas, que contou com a participação do Professor Alfredo dos Anjos, um historiador que deu uma palestra “in loco” sobre a “Cabeça do Imperador” e as suas possíveis origens.
Em 1972, escaladores da “Equipe Neblina” escalaram o “Paredão do Escaravelho”, a parede do lado leste da cabeça, e cruzou com as inscrições fenícias, que ficam há cerca de 30 metros abaixo do topo da cabeça, de um modo muito difícil de se alcançar o lugar das inscrições. Embora o Rio de Janeiro tenha uma alta taxa anual de chuvas, as inscrições ainda estavam quase intactas. Em 1963 um arqueologista e professor com habilidade científica chamado Bernardo A. Silva Ramos traduziu as inscrições como:

LAABHTEJ BAR RIZDAB NAISINEOF RUZT
Lido da direita para à esquerda (assim como no árabe, sânscrito e no hebreu atual se lê da direita para à esquerda):
TZUR FOENISIAN BADZIR RAB JETHBAAL
Que traduzido significa:
Tyro Phoenicia Badezir Primogênito de Jethbaal.

"

fonte:http://adf.ly/11291421/www.filosofiaimortal.blogspot.com.br


Existiu um rei na Fenícia com esse nome no ano 856 a.C. Contam algumas lendas sobre essa pedra como, dá para avistar luzes brilhantes dentro dela a uma certa hora, tem pequenas estatuetas escondidas.  As inscrições já estão lá a muitos séculos.